Já falei algumas vezes aqui no blog sobre a importância de contar histórias, certo? Isso pode ser feito das mais diversas maneiras e uma delas é o digital storytelling!

Este termo pode mudar completamente a sua cabeça quando o assunto é criar, pois ele é basicamente INFINITO!

Eu gostei muito do tema quando estudei. e agora quero compartilhar com você! Então acompanhe o artigo abaixo e anote suas ideias agora mesmo.

O que é o digital storytelling?

Já falamos sobre o storytelling aplicado ao copywriting e eu já disse em muitos momentos aqui o quanto aprecio e o quanto contar boas histórias traz resultados positivos.

O digital storytelling é uma outra maneira de fazer isso e se você é um criativo como eu, prepare-se para sentir sua cabeça ferver ao saber como funciona!

Chamamos assim aquele storytelling que é feito digitalmente. Não! Não escrito em um computador ou na internet exatamente, mas sim criado a partir de tablets, smartphones e outros dispositivos.

É basicamente a união entre uma boa história e as incontáveis maneiras de mostrá-la aos outros com todos os recursos possíveis, como o Facebook, o Instagram, o Youtube…

Já teve muitas ideias aí? Então veja agora o passo a passo que eu separei para te ajudar a criar a sua primeira história digital:

1. O quê você quer contar?

Histórias da vida nós temos muitas, né? Mas qual delas você vai escolher para contar?

Lembrando que tudo o que eu falar aqui você pode também utilizar para campanhas de empresas, não é mesmo? Histórias bem contadas são sempre uma delícia de conhecer e vendem muito bem, principalmente para estratégias de marketing de conteúdo.

Enfim, decida o que vai contar e monte a ideia em sua mente. Bem básico, mesmo. Depois você vai levar isso para frente de maneira mais concreta.

2. Escreva

Escreva como se estivesse contando para um amigo. Quanto mais do seu jeito (ou com o tom da empresa) for, melhor.

O ideal é que isso seja feito pensando na estrutura. Se você tiver dois minutos de vídeo, não conte a história em 15 páginas.

Você pode utilizar este texto até mesmo para ler na hora de gravar uma possível narração para sua peça!

3. Faça um storyboard

Um storyboard é basicamente um rascunho do que você quer fazer, mas desenhado.

Imagine uma história em quadrinhos que mostre o que você quer contar e desenhe! Vale até colocar o tempo de cada quadro, se julgar útil.

4. Desenvolva

Com um storyboard em mãos e suas ideias a mil é hora de colocar tudo em seu devido lugar.

Se for um vídeo, grave o que for necessário, desenhe se for uma animação e selecione também sons e imagens que desejar.

Existem muitos programas e também ferramentas (até gratuitas) que podem te ajudar!

Depois é só mostrar pras pessoas, pegar os feedbacks e melhorar cada vez mais.

Gostou das dicas? Crie conteúdos ainda melhores com os artigos do blog da SBCopy!

Comentários