Nada melhor do que algumas dicas para escrever melhor e alavancar seu trabalho como copywriter, não é mesmo?

Sempre digo que é preciso ter em mente que, por mais que sejamos bons no que fazemos, existe uma maneira de ser melhor ainda.

Você pode ser um verdadeiro especialista em determinada área, mas existem formas de buscar conhecimentos de outras para agregar ao seu próprio trabalho, por exemplo.

Digo isso porque muitos profissionais de sucesso acreditam que, como já fazem um trabalho de excelência, acabam ficando estacionados.

E, para mim, não há nada pior do que um profissional acomodado.

Minhas dicas para escrever melhor

Pode parecer que algumas das dicas para escrever melhor que vou te passar sejam óbvias, mas, na verdade, é exatamente aí que mora o perigo.

Existem coisas que parecem muito simples e básicas. Por isso, as pessoas acabam por dar menos atenção, deixando passar alguns erros e equívocos cruciais.

1. Organize suas ideias antes de escrever

É comum para quem produz conteúdo ter o famoso “insight” e sair escrevendo sem pensar duas vezes.

Apesar de ser uma parte importante do processo criativo, é essencial parar por alguns momentos para organizar as ideias antes de prosseguir.

Faça tópicos de assunto que você quer tratar naquele texto e defina algumas palavras-chave para guiá-lo em sua produção.

Dessa forma você evita problemas de coesão e ainda garante que nenhum tópico será deixado de lado.

2. Nunca pare de ler

“Ah, Rafael, dessa eu já sabia”.

É, eu sei que você já sabia! Porém, será que você exerce mesmo essa dica?

Nunca parar de ler significa desafiar-se cada vez mais.

Leia diferentes gêneros literários, mas também artigos científicos, reportagens investigativas, etc. Linguagens diferentes, outras línguas. Busque desafios e jamais fique acomodado.

Dessa forma, além de alavancar seu texto, ainda continua acumulando boas referências.

3. Crie o hábito do distanciamento

A revisão é um hábito que todo copywriter (e todo escritor) precisa ter.

Porém, de nada adianta terminar de escrever uma peça e, logo depois, reler e acreditar que isso é uma revisão.

Além da revisão externa — que não vou entrar no mérito neste momento — é preciso se distanciar de seu texto antes de fazer a revisão final.

O distanciamento de seu próprio texto te dá a oportunidade de enxergar com outros olhos um material que você mesmo fez. Pode ser o diferencial entre um material bom e um excelente.

Quer mais dicas para escrever melhor e também para alavancar seu trabalho como copywriter? Continue acompanhando o blog da SBCopy!

Comentários