Se você anda pesquisando sobre formas de ganhar dinheiro online, já deve ter ouvido falar que criar um infoproduto pode ser uma boa opção, não é mesmo?

Mas você ainda não tem certeza se esse é o caminho certo?

Saiba que o artigo de hoje foi escrito, especialmente, para te ajudar com essa dúvida. Descubra, abaixo, se criar um infoproduto é mesmo a solução para o seu negócio.

 

O que todo mundo sempre fala sobre criar um infoproduto

Se você está inteirado sobre o mundo do empreendedorismo digital, já deve saber que, hoje, existe uma infinidade de infoprodutos no mercado.

Isso é algo bom e algo ruim, ao mesmo tempo. É bom porque o consumidor tem uma grande variedade para escolher. E é ruim porque há muita coisa de baixa qualidade por aí!

Isso acontece, em parte, porque ouvimos muito falar sobre todos os benefícios da criação de um infoproduto. Como, por exemplo, o de ser um tipo de produto de fácil distribuição e o fato de que ele pode se tornar uma fonte de renda passiva, com o tempo.

Você, inclusive, já deve ter ouvido falar sobre todos esses benefícios, não é mesmo? E deve ter ficado animado com a possibilidade.

Como consequência, muita gente que está começando um negócio vê na criação do próprio infoproduto a solução de todos os problemas. Mas é aí que vem a parte dessa história que ninguém te conta…

 

O que ninguém te conta sobre criar um infoproduto

A parte da história que ninguém te conta sobre criar um infoproduto é que isso nem sempre funciona. Muitos infoprodutores até criam o próprio produto digital, mas acabam não vendendo bem.

Por quê? Geralmente, por falta de conhecimento.

Em primeiro lugar, pela falta de conhecimento do assunto a ser ensinado. Já que muita gente que cria um infoproduto acabou de começar a trabalhar na área escolhida, como eu disse. E, acredite, algum tempo de experiência e dedicação faz toda a diferença!

Além disso, falta conhecimento do mercado, em si. E, principalmente, da sua persona. Entender a sua persona, como ela pensa, o que ela espera de você, o que ela precisa, é algo que só vem com um tempo de dedicação.

Não só estudando o assunto, mas, também, com o seu negócio funcionando e você trabalhando numa base diária. É só assim que você vai saber o que funciona, de verdade.

O último dos fatores que pesa nessa balança é a audiência. Se você já tem uma audiência construída, você sabe que irá vender.

Afinal de contas, essas pessoas já te conhecem e já confiam no seu trabalho. E, como consequência, as chances delas comprarem de você são muito maiores. O que também não acontece com quem está começando o próprio negócio agora.

 

Não basta criar um infoproduto, é preciso saber quando criá-lo!

No artigo de hoje, eu decidi falar um pouco sobre a criação de um infoproduto. E eu espero que essa breve reflexão tenha te ajudado a entender que não basta criar um infoproduto. É preciso, em primeiro lugar, trabalhar os outros aspectos que descrevi acima.

Quando tudo isso estiver funcionando bem, aí sim, é a hora certa de criar o seu infoproduto. É nesse momento que criar um infoproduto pode ser a solução para escalar o seu negócio.

Espero que você tenha gostado dessas dicas. E, se gostou, compartilhe esse artigo nas redes sociais. Seus amigos empreendedores podem ter a mesma dúvida que você!

Comentários